Notícias

Veja abaixo as matérias mais recentes sobre a Novo Nordisk no Brasil.

Para notícias internacionais e outros materiais, como infográficos, fotos e vídeos sobre o diabetes e outras áreas terapêuticas, visite o site global da Novo Nordisk clicando aqui (em inglês).

 

Agosto

Novo Nordisk apresenta Xultophy

(Guia da Farmácia 31/08/2018)
"Xultophy® (insulina degludeca + liraglutida) é uma combinação fixa de insulina basal (degludeca) e do agonista do receptor de GLP-1 (liraglutida) em uma caneta preenchida"

Leia a matéria na íntegra  aqui

Anvisa aprova medicamento para Diabetes Tipo 2

(Panorama Farmacêutico 22/08/2018)
"Alternativa terapêutica para diabetes tipo 2 é aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em testes que avaliaram sua segurança clínica, o Ozempic (semaglutida) apresentou eficácia na redução da hemoglobina glicada (HbA1c), do peso e das complicações cardiovasculares. O medicamento consiste em produto biológico com solução injetável e aplicação semanal."

Leia a matéria na íntegra  aqui

 

Os vencedores do prêmio As Melhores Empresas para Trabalhar 2018

(Época Negócios 13/08/2018)
"Os vencedores do prêmio As Melhores Empresas para Trabalhar 2018 foram revelados nesta segunda-feira (13/08), em uma festa para 1,5 mil pessoas no Espaço das Américas, em São Paulo. Época NEGÓCIOS e o Great Place to Work apresentaram as 150 melhores empresas, divididas entre 80 grandes, 35 médias nacionais e 35 médias multinacionais."

Leia a matéria na íntegra  aqui

 

Os prós e os contras da injeção que promete ajudar no combate à obesidade

(VejaRIO 03/08/2018)

"Um dos caminhos curtos da vez tem forma de caneta, agulha milimétrica na ponta e é carregado de um líquido incolor. Trata-se de uma injeção, autoaplicável, vendida nas farmácias com o nome comercial de Saxenda. Popularizada, e bastante procurada, como aliada das dietas de emagrecimento, a novidade é um remédio, não uma moda — e deve ser encarada como tal, ou seja, a sério."

Leia a matéria na íntegra aqui

Novo Nordisk realiza TakeAction Day em Atibaia

(TV Atibaia 02/08/2018)

"E hoje, em frente a Igreja Cristo Rei, aconteceu a primeira edição do TakeAction em Atibaia, evento com diversas atividades voltadas para a saúde e bem-estar, realizada por voluntários. A ação realizada pela ONG Atados junto com a prefeitura do Município e contou com tenda médica para aferição de pressão, medicação de glicose, orientação de doenças crônicas e muito mais".

Veja a matéria na íntegra aqui.

 

Julho

Congresso nos EUA mostra novidades no tratamento de diabetes

(Bem Estar 09/07/2018)

"E foi exatamente a ideia da corrida, promovida durante o Congresso Internacional de Diabetes. Incentivar a atividade física dos médicos para, assim, estimular os pacientes a mudar o estilo de vida. [...] Na opinião deste representante da indústria farmacêutica, as pessoas têm que entender que diabetes não é simplesmente tomar uma medicação, o estilo de vida é importante também. O tratamento é um complemento para que os pacientes tenham uma vida saudável".

Assista a matéria na íntegra aqui.

 

Xultophy chega às farmácias para tratar diabetes tipo 2

(Diabetic Center 04/07/2018)

"A Novo Nordisk traz ao mercado brasileiro Xultophy, medicamento injetável indicado para adultos com diabetes tipo 2 que não conseguem atingir o controle glicêmico adequado. A nova terapia é uma combinação fixa da insulina degludeca, cujo nome comercial é Tresiba, com o antagonista de GLP-1 liraglutida, cujo nome comercial é Victoza."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Junho

Farmacêuticas brigam para provar quem tem a melhor insulina

(Folha de S.Paulo 30/06/2018)

"Não à toa, a hipoglicemia foi destaque na edição deste ano do encontro da ADA (Associação Americanas de Diabetes, na sigla em inglês), que aconteceu entre 22 e 26 deste mês. O paciente que usa insulina em geral depende de dois tipos: uma versão rápida, para ajudar o organismo a lidar com o açúcar proveniente da alimentação, e uma lenta, de ação prolongada, que funciona por mais de 12h. Essa última ganhou novas versões nos últimos anos, desenvolvidas por duas empresas: a Sanofi (insulina glargina, com uma nova versão mais concentrada em 2015) e a Novo Nordisk (insulina degludeca, também de 2015). Nesses medicamentos a molécula de insulina foi aumentada e modificada de modo a retardar sua degradação no organismo, prolongando seu efeito."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Maioria dos pacientes com diabetes tipo 2 não tem controle da doença

(Guia da Farmácia 26/06/2018)

"Aproximadamente 60% das pessoas com diabetes tipo 2 em uso de insulina basal não têm a doença controlada, ou seja, não atingem o nível ideal de açúcar no sangue (hemoglobina glicada menor que 7%). Para entender melhor as razões deste número, a Novo Nordisk realizou um estudo sobre Percepções de Controle (PdC) e diabetes, investigando como médicos e pacientes definem o controle da doença."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Chega ao Brasil tratamento inovador para diabetes tipo 2

(Diário do Nordeste 25/06/2018)

"Cerca de 70% das pessoas com diabetes tipo 2 em uso de insulina basal não têm a doença controlada, ou seja, não atingem o nível ideal de açúcar no sangue (hemoglobina glaciada menor que 7,0%). Em vista disto, foi lançada, no Brasil, um novo medicamento que trata esses casos de descontrole glicêmico: o Xultophy."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Novo tratamento para diabetes tipo 2

(O Norte de Minas 21/06/2018)

"Para facilitar a aplicação do medicamento, a Novo Nordisk, empresa com maior instalação de produção de insulina na América Latina, com sede em Montes Claros, apresentou nesta semana o “Xultophy”, medicamento em formato de caneta, que é uma combinação fixa de insulina degludeca e do agonista de GLP-1 liraglutida, já aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e disponível sob prescrição médica para os pacientes brasileiros. A “caneta” visa facilitar a aplicação da substância e o controle da doença por parte dos médicos e pacientes."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Maio

Exercícios são liberados para os diabéticos(Revista Pense Leve 25/05/2018)

"Ter diabetes não significa ficar fora das práticas esportivas, principalmente porque colocar o corpo em movimento contribui para manter os níveis de açúcar no sangue estáveis e prevenir o tipo 2 da doença. O ciclismo é um exemplo de esporte que pessoas com diabetes tipo 1 e 2 podem praticar. “O paciente deve saber da sua condição em relação à doença, mas também ter a consciência de que a vida pode e deve ser ativa, com a prática dos exercícios físicos e, até mesmo, de esportes de maior resistência”, explica Marina Santorso, gerente médica de diabetes da Novo Nordisk, empresa de inovação e liderança nos cuidados com o diabetes."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Uma em cada oito pessoas terá diabetes tipo 2 em 2045

(Minha Vida 24/05/2018)
"Uma projeção apresentada nesta semana no Congresso Europeu de Obesidade em Viena (Áustria) aponta que uma em cada cinco pessoas (22%) será obesa em 2045 e uma em cada oito terá diabetes tipo 2, uma doença comumente decorrente do excesso de peso. O pesquisador do instituto Novo Nordisk Research and Development, Alan Moses, explicou durante a apresentação que esses números destacam o desafio que o mundo enfrentará no futuro em termos de quantidade de pessoas que serão obesas e que terão diabetes."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Casos de obesidade e diabetes 2 avançam e preocupam especialistas

(Correio Braziliense 23/05/2018)
"Em menos de três décadas, um quarto da população mundial terá obesidade e uma em cada oito pessoas sofrerá de diabetes 2. A previsão é de um estudo apresentado ontem pela Universidade College London e pelo Centro de Diabetes Steno, da Fundação Novo Nordisk, no Congresso Europeu de Obesidade, em Viena. De acordo com os autores, esse será o cenário global caso a tendência atual de avanço do excesso de peso se mantenha."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Droga milagrosa

(Revista Bazaar 01/05/2018)
"Um remédio indicado para o tratamento do diabetes será a nova estrela dos consultórios dos endocrinologistas. A semaglutida - aprovada recentemente pelo FDA, órgão que regula a venda de alimentos e remédios nos Estados Unidos e voltada para o tratamento do diabetes tipo 2 - oferece resultados excelentes também para combater a obesidade em pessoas que não necessariamente sofrem da doença. No mês passado, as primeiras pesquisas com o remédio, do laboratório dinamarquês Novo Nordisk, foram apresentadas durante o congresso da Endocrine Society […] "

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Abril

Hemofilia: condição rara afeta coagulação do sangue e é mais comum entre homens

(Jornal Extra 18/04/2018)
"No Brasil, mais de 11 mil pessoas convivem com a hemofilia, segundo o Ministério da Saúde. Esta condição rara é caracterizada pela dificuldade de coagulação do sangue, causada pela deficiência de fatores de coagulação. Ontem, foi o Dia Mundial da doença. [...] — Hoje fazemos um tratamento profilático. Toda semana os hemofílicos recebem uma reposição do fator deficiente. Assim, é possível evitar as lesões que ocorrem nas articulações causadas pelos sangramentos internos — afirma Gabriel Fagundes, hematologista e gerente médico da Novo Nordisk."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Remédios emagrecedores: por que são necessários?

(Veja Online 17/04/2018)

"Encontrar os mecanismos que modificam nossos centros de fome e/ou saciedade é o desafio a ser encarado pela sociedade científica. Uma vez definidas as causas é bem provável que consigamos orientar o planeta a evitar os algozes que escangalham com nossas formas, saúde e autoestima. Condenados, porém, se beneficiando da falta definitiva de provas, seguem em liberdade vigiada: açúcar, vários aditivos utilizados em alimentos processados,  agrotóxicos e outras tantas substâncias aceitas como seguras em nosso dia a dia. Uma vez determinado os criminosos, então, os eliminamos, ou ao menos, como fazem os fumantes, decidimos pelo risco ou não." 

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Campanha incentiva hemofílicos a contar histórias de superação

(Vida&Ação 17/04/2018)

"É o que quer mostrar a campanha Histórias que Fortalecem, lançada pela Federação Brasileira de Hemofilia, em parceria com a Novo Nordisk, neste Dia Mundial da Hemofilia (17 de abril). A proposta é apresentar histórias de superação de pessoas que convivem com esta condição, hoje com muito mais recursos do que no passado. O símbolo da campanha este ano é um guarda-chuva vermelho, que recebemos na redação de ViDA & Ação nesta segunda-feira (16). A ação convida a “abri-lo e deixar-se acolher pelas histórias de pessoas que convivem com a doença” – hoje, cerca de 12 mil brasileiros."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Março

Adesão ao reúso ainda é limitada entre indústrias

(Valor Econômico 23/03/2018)
"A água de reúso pode ser compartilhada por empresas, a exemplo do que ocorre na Dinamarca com o Parque Kalundborg Symbioses, que abriga corporações como a Novo Nordisk, a maior produtora de insulina do mundo; […]"

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

10 companhias com melhor reputação em 2018

(Forbes 16/03/2018)

"Os últimos anos têm sido, no mínimo, tumultuados e, se os líderes mundiais aprenderam alguma coisa nesse período, é que a reputação é algo frágil. Eventos como os resultados da votação do Brexit, a eleição presidencial dos Estados Unidos, a emergência das fake news e o #MeToo realçaram esse aspecto, e, agora, as grandes corporações privadas estão aprendendo a mesma lição. “A bolha da reputação estourou”, diz Stephen Hahn-Griffiths, diretor de pesquisa do Reputation Institute, uma empresa de serviços de medição e gerenciamento de reputações. Desde 2006, o RI publica o “Global RepTrak 100”, um estudo anual da reputação corporativa."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Entenda a hipoglicemia
(Revista Pense Leve 02/03/2018)
"Uma das principais complicações para quem sofre de diabetes é a hipoglicemia, quadro caracterizado pelo baixo nível de açúcar no sangue. “Para controlar esse sintoma, alguns hábitos devem ser revistos”, afirma Priscilla Mattar, endocrinologista e gerente médica da Novo Nordisk no Brasil."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

Fevereiro

Remédio contra anonimato

(Meio&Mensagem 26/02/2018)

"Com mais de 90 anos em atuação no mundo - vendas globais de US$ 16,9 bilhões e lucro líquido de US$ 5,8 bilhões em 2017 -, e há 28 no Brasil, a farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk é uma das que enfrentam o desafio de se comunicar em um setor altamente regulado."

Leia a matéria na íntegra aqui.

 

De meditação a regime em pó, onze técnicas em alta para emagrecer

(Veja SP 16/02/2018)

"A Saxenda ficou famosa no tratamento de pessoas bem acima do peso, com problemas como pré-diabetes ou hipertensão. A injeção é à base de liraglutida, uma substância que age no hipotálamo, área do cérebro reguladora da fome. Ela reduz ainda os níveis de açúcar no sangue." 

Leia a matéria na íntegra aqui.